Transporte como direito social é tema de Seminário Nacional

Em 2015, as mudanças no texto constitucional passaram a assegurar esse benefício ao cidadão, junto à educação, saúde, alimentação, trabalho, moradia, lazer, segurança, previdência social, proteção à maternidade e à infância e assistência aos desamparados.

Com a nova mudança, o poder público adquiriu novas responsabilidades importantes com o setor e isso pode facilitar consideravelmente o avanço da mobilidade urbana no país.
O transporte público reconhecido como direito essencial é uma grande conquista para o país e a população quer seus direitos garantidos nas ruas.

Está curioso para saber mais sobre essa mudança?

Então não perca o maior evento sobre transporte público do país!

O novo caráter constitucional do transporte e os seus desdobramentos são o tema principal de debate da 30ª edição do Seminário Nacional NTU, que será realizado nos dias 23 e 24 de agosto em Brasília.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *